Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis, Motéis, Restaurantes, Bares,
Lanchonetes e Fast-food de Jundiaí e Região

Jundiaí / SP   •  

Notícias

06/09/2016

Manifestantes querem assentamentos e são contra reforma da Previdência

Cerca de 2 mil pessoas, segundo os organizadores, e 500 de acordo com a Polícia Militar do Distrito Federal, ocuparam a entrada do Ministério do Planejamento em uma manifestação na manhã desta segunda-feira (5). 
Os manifestantes pediram o assentamento imediato de mais de 120 mil famílias que estão acampadas em todo o país. 
Outros manifestantes fizeram um acampamento na sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), também em Brasília. 
Os representantes de movimentos sociais protestam, ainda, contra a reforma da previdência em discussão pelo governo. Entre as propostas em análise está a de igualar a idade da aposentadoria entre trabalhadores do campo e da cidade. 
Os manifestantes querem, ainda, a volta do Ministério de Desenvolvimento Agrário extinto pelo presidente Michel Temer quando assumiu a Presidência, interinamente, em maio. 
Os manifestantes integram oito movimentos sociais. Eles pretendem permanecer em Brasília até 7 de setembro, quando deverão se juntar aos manifestantes do Grito dos Excluídos. 
A ocupação é pacífica e não houve confrontos, mas uma porta de vidro do Ministério do Planejamento chegou a ser quebrada.

Fonte: Portal