Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis, Motéis, Restaurantes, Bares,
Lanchonetes e Fast-food de Jundiaí e Região

Jundiaí / SP   •  

Notícias

04/07/2017

Reforma trabalhista estimulará demissões, adverte Vanessa Grazziotin

A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) declarou nesta segunda-feira (3), em Plenário, que o Senado não pode votar a reforma trabalhista, uma vez que, a seu ver, o conjunto de medidas é destrutivo para o Brasil e prejudicará inclusive as finanças públicas.
— Além de isso ser extremamente perigoso, contrário ao direito dos trabalhadores, é um crime contra o próprio Parlamento, é um desrespeito ao Senado Federal — afirmou.
Vanessa contestou o argumento de que a reforma trabalhista é modernizante. Segundo ela, caso aprovada, a reforma incentivará as demissões de trabalhadores e criará subterfúgios para maus empregadores deixarem de pagar o que determina a Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT). Ela também citou os escândalos envolvendo o governo e questionou a autoridade do presidente Michel Temer para sancionar essa reforma.
Vanessa Grazziotin também expressou sua preocupação com a liminar que suspendeu a realização de novas eleições para governador do Amazonas.
Ela lembrou que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cassou os mandatos do governador e do vice-governador e impôs um novo pleito aos amazonenses. Vanessa cobrou uma decisão definitiva sobre o caso, sublinhando que a Justiça Eleitoral já gastou mais de R$ 6 milhões para organização da nova eleição.

Fonte: Agência Senado